Estoril Open vale a João Sousa um “trambolhão” no ranking mundial

Por outro lado, João Domingues reentrou no top 200, mais de um ano depois, fruto de ter alcançado os quartos-de-final no Estoril Open.

O ranking de Sousa foi prejudicado pelo mau Estoril Open.
Foto
O ranking de Sousa foi prejudicado pelo mau Estoril Open. LUSA/RODRIGO ANTUNES

O português João Sousa caiu 24 lugares no ranking mundial de ténis, após ser eliminado na segunda ronda do Estoril Open. A queda justifica-se pelo facto de Sousa não ter conseguido defender os pontos conquistados no Clube de Ténis do Estoril, em 2018, ano em que venceu o torneio. Ocupa, agora, a 75.ª posição, a pior desde Março de 2018.

Por outro lado, João Domingues reentrou no top 200, mais de um ano depois, fruto de ter alcançado os quartos-de-final no Estoril Open. Domingues subiu ao 185.º lugar da hierarquia, numa “escalada” de 29 lugares, enquanto Pedro Sousa ocupa o 105.º lugar.

No topo da hierarquia há 122 semanas seguidas (e 250 semanas no total) continua Novak Djokovic, seguido do espanhol Rafael Nadal e do suíço Roger Federer, que ultrapassou o alemão Alexander Zverev.

Depois de ter vencido o Estoril Open, o grego Stefanos Tsitsipas ascendeu ao nono lugar, enquanto o uruguaio Pablo Cuevas, finalista vencido, subiu 16 postos, para o 51.º lugar.

No ranking feminino não houve alterações no topo, com a japonesa Naomi Osaka a seguir na liderança, à frente da checa Petra Kvitova e da romena Simona Halep.