Janela partida em pleno voo obriga avião a regressar a Lisboa

Voo da United Airlines com destino a Nova Iorque inverteu a rota quando sobrevoava o Oceano Atlântico.

Foto
Kamil Krzaczynski/REUTERS

Um avião da companhia aérea norte-americana United Airlines com destino a Nova Iorque foi obrigado a regressar ao aeroporto de Lisboa nesta quinta-feira, após algumas horas de voo, depois de uma janela do cockpit da aeronave se ter partido quando sobrevoava o Atlântico. Não há registo de feridos.

O voo United 65 tinha partido do aeroporto Humberto Delgado às 10h15 mas acabaria por voltar a Lisboa e ser definitivamente cancelado devido ao incidente, confirmou fonte da United Airlines ao PÚBLICO.

Segundo informação disponibilizada no website de monitorização aérea Flightradar24, o Boeing 757-224 inverteu a rota quando sobrevoava o Oceano Atlântico, sensivelmente a meio do caminho entre Portugal continental e os Açores. O avião voltaria a aterrar no aeroporto de Lisboa às 14h01, segundo dados disponibilizados na página da ANA – Aeroportos de Portugal.

Nos últimos anos, a companhia aérea norte-americana United Airlines esteve envolvida em vários incidentes relacionados com o transporte de animais e fez manchetes ao expulsar violentamente um passageiro de um voo sobrelotado, o que levou a empresa a rever a sua política de overbooking