A Vegan Fashion Week acontece de 1 a 4 de Fevereiro, em Los Angeles.
Foto
A Vegan Fashion Week acontece de 1 a 4 de Fevereiro, em Los Angeles. Fancycrave/Unsplash

Los Angeles vai receber a primeira semana de moda vegan

O evento está marcado para o início de Fevereiro e quer acabar com a exploração animal, alertando para as questões éticas, sociais e ambientais do uso de animais na indústria da moda.

Está a chegar a primeira semana de moda vegan. De 1 a 4 de Fevereiro, Los Angeles, nos Estados unidos, abre portas a marcas e designers vegan, para desfiles, exposições e conversas sobre direitos dos animais, justiça social, tecnologia e interseccionalidade, sob o tema Facing Our Time ("Enfrentando o nosso tempo", numa tradução livre para português).

Criada por Emmanuelle Rienda, estilista e activista pelos direitos dos animais, a Vegan Fashion Week (VFW) é apoiada pela PETA e pela organização sem fins lucrativos Fashion Revolution. O evento pretende acabar com a exploração animal e educar entusiastas de moda sobre os problemas éticos, sociais e ambientais do uso de animais na indústria da moda. “Quero iniciar conversas e debates na indústria, educando, elevando e estabelecendo ligações entre os nossos valores mais importantes: o respeito pela vida humana, direitos dos animais e ambiente”, disse Emmanuelle Rienda à VegNews.

A semana da moda abre com uma cerimónia no Museu de História Natural de Los Angeles, onde discursará o cientista Robert Lempert. Este especialista em alterações climáticas integrou o Painel Intergovernamental para as Alterações Climáticas das Nações Unidas, vencedor — a par do ex-vice-presidente norte-americano Al Gore — do Prémio Nobel da Paz de 2007. Além dos desfiles, a VFW conta com uma feira, onde os visitantes poderão procurar peças de designer e produtos de beleza vegan. Para culminar, será feita uma angariação de fundos privada para ajudar designers vegan a pôr um fim à exploração animal na indústria da moda. 

Cada vez mais designers e marcas têm optado por moda cruelty-free. Em 2018, a Adidas lançou, juntamente com Stella McCartney, uma edição vegan das clássicas Stan Smith, e a Gucci comprometeu-se a deixar de utilizar peles.