Matos Fernandes nomeia Álvaro Nascimento para conselho tarifário da ERSAR

Antigo “chairmain” da CGD vai liderar conselho consultivo da entidade reguladora de águas e resíduos, função que, por inerência, lhe confere também a presidência do conselho tarifário

Foto
DRO DANIEL ROCHA

Por despacho assinado a 13 de Dezembro e publicado esta quarta-feira, 2 de Janeiro, Álvaro Nascimento foi nomeado presidente do conselho consultivo da Entidade Reguladora dos Serviços de Águas e Resíduos (ERSAR).

Esta função, pelos estatutos da ERSAR, garante a quem a exerce o cargo de presidente do conselho tarifário do regulador das águas e resíduos. “Para além de ser ouvido sobre a proposta do regulamento tarifário e das suas revisões”, cabe a este conselho consultivo “emitir anualmente parecer sobre o balanço do ciclo de regulação económica”, de acordo com o site oficial da ERSAR.

O diploma que nomeia Álvaro Nascimento, com efeitos a partir de hoje, é assinado pelo ministro da tutela do Ambiente e Transição Energética, João Pedro Matos Fernandes. O cargo de presidente do conselho consultivo da ERSAR – “órgão de consulta na definição das linhas gerais de actuação” da entidade reguladora de águas e resíduos no país – era exercido até agora por José Tomás Veiga Frade, de acordo com o site da instituição. Foi nomeado pelo anterior Governo, em Junho de 2015, tendo o seu mandato terminado a 12 de Junho passado, de acordo com o diploma hoje publicado.

Antigo presidente do conselho de administração da Caixa Geral de Depósitos (entre 2013 e 2016), Álvaro José Barrigas do Nascimento, segundo a nota curricular publicada hoje no Diário da República, “desempenha cargos não executivos, entre outros, presidente da comissão de auditoria e finanças da Sonae MC, vogal do conselho fiscal da Unicer e director do Instituto Português de Corporate Governance (IPCG). Recentemente, foi presidente do conselho fiscal do Banco Carregosa e administrador independente da Euronext Lisbon”.

Na academia, é “professor auxiliar de Economia e Finanças na Católica Porto Business School, da Universidade Católica Portuguesa - onde foi director, entre 2008 e 2013”, e “investigador na London Business School em assuntos de regulação e concorrência e tem interesses de investigação e publicações relacionadas com os sectores financeiro e de telecomunicações”, adianta a nota curricular que consta do diploma. Álvaro Nascimento é “doutorado em Finanças pela Cass Business School (Londres) e mestre em International Trade and Finance pela Universidade de Lancaster (UK)”.