Corpo da quinta vítima já foi retirado da pedreira em Borba

A vítima, de 85 anos, encontrava-se no interior de uma das duas viaturas que estavam submersas.

Foto
O teatro de operações em Borba LUSA/RUI MINDERICO

O corpo da quinta vítima que caiu para dentro de uma pedreira em Borba (Évora), na sequência de um deslizamento de terra e colapso da estrada 225, já foi retirado, confirmou à Lusa fonte da Protecção Civil.

A vítima, de 85 anos, encontrava-se no interior de uma das duas viaturas que estavam submersas no plano de água mais profundo da pedreira desde o dia do acidente (19 de Novembro) e que foi hoje também retirada.

Na última sexta-feira foram retirados da pedreira os corpos de dois desaparecidos, na sequência do colapso da Estrada n.º 255, no início da semana passada.

Os corpos agora retirados vão ser autopsiados nos serviços de Medicina Legal de Évora, disse fonte da GNR de Évora à Lusa.

Foram muitas as vozes que alertaram para a falta de segurança e para "os problemas" da estrada que ruiu, há quase duas semanas, com o deslizamento de terras para um pedreira, em Borba, distrito de Évora. O primeiro alerta já tinha, pelo menos, quatro anos.

Sugerir correcção