Colégio de São Fiel em Castelo Branco em concurso para unidade hoteleira

O antigo colégio jesuíta estava sem qualquer uso desde 2003 e ardeu no ano passado.

O Governo lançou nesta quarta-feira o concurso público para a instalação de uma unidade hoteleira no Colégio de São Fiel, em Castelo Branco, um dos 33 imóveis inscritos no programa Revive e que ardeu nos incêndios de Agosto de 2017.

Em comunicado enviado à agência Lusa, a Secretaria de Estado do Turismo explica que foi lançado agora o concurso público relativo ao Colégio de São Fiel, em Castelo Branco, para instalação de uma unidade hoteleira, e adianta que os investidores interessados têm 60 dias para se candidatar.

Este antigo colégio jesuíta, localizado na freguesia de Louriçal do Campo, em Castelo Branco, ardeu nos incêndios de Agosto de 2017 e estava sem qualquer uso desde 2003, tendo funcionado ali um centro de reeducação para jovens.

"O lançamento do concurso público para a recuperação deste imóvel tem como objectivo impulsionar a recuperação económica desta zona afectada pelos incêndios do ano passado, bem como dinamizar a actividade turística na região Centro", lê-se na nota.

O Colégio de São Fiel é um dos 33 imóveis inscritos no Revive, um programa conjunto dos ministérios da Economia, Cultura e Finanças com a colaboração das autarquias locais, cujo objectivo passa pela valorização e recuperação do património sem uso, bem como pelo reforço da atractividade dos destinos regionais e o desenvolvimento de várias regiões do país.

Este é o quinto concurso lançado no âmbito do Programa Revive, sendo que o primeiro imóvel lançado em concurso foi o Convento de São Paulo, em Elvas, ganho pelo grupo português Vila Galé, que deverá abrir portas no início do próximo ano.