Cancelado primeiro debate entre candidatos à liderança do PSD

Santana recua na decisão de participar num programa com Rio, o que leva a TVI24 a cancelar a iniciativa que seria transmitida no sábado.

Fotogaleria
Santana Lopes não desiste da ideia de participar em três debates Nelson Garrido
Fotogaleria
Rui Rio já encerrou a discussão sobre os debates LUSA/PAULO NOVAIS

Está a ser muito difícil juntar os dois candidatos à liderança do PSD em debate televisivos. Aquele que seria o primeiro frente-a-frente entre Pedro Santana Lopes e Rui Rio e que seria transmitido no sábado à noite na TVI24, afinal, já não se vai realizar, garantiu ao PÚBLICO a jornalista Constança Cunha e Sá, responsável pelo programa Poder Laranja, em que os candidatos iriam participar. “O debate foi cancelado”, disse.

Esta semana, Pedro Santana Lopes tomou a iniciativa de telefonar à jornalista Constança Cunha e Sá e dizer-lhe que gostava de participar no programa Poder Laranja, transmitido aos sábados à noite. A jornalista mostrou-se receptiva à ideia e aproveitou o telefonema para lhe propor que Rui Rio também participasse, juntando os dois naquele que seria o primeiro debate entre os candidatos à liderança do PSD. Santana não se opôs e Constança telefonou a Rio que aceitou o convite.

Em comunicado, emitido na quarta-feira à noite, a candidatura de Rui Rio informou que o candidato aceitou a proposta da TVI e acrescentou: “Ficaram, então, definidos e fechados os dois debates acordados: um a realizar na RTP [a 4 de Janeiro] e o outro na TVI”, que seria o da TVI24. O texto criticava ainda Santana por, na véspera, ter “enviado unilateralmente um comunicado para a comunicação social, dizendo que, agora, passou a defender três debates”. Sobre isto, Rio voltou a dizer que não estava disponível para mais do que dois frente-a-frente.

Mas Santana não gostou que Rio tivesse contabilizado a sua participação no programa Poder Laranja, que se realizaria em canal fechado, como um frente-a-frente. Daí que tenha informado que não iria estar presente na TVI24, reafirmando que deveriam realizar-se debates nas três televisões generalistas.

Numa derradeira tentativa de consensualizar posições, a candidatura de Santana enviou esta quinta-feira um texto às direcções dos três canais de televisão para que promovam uma reunião com as duas candidaturas com vista a tornar possível a realização de um frente-a-frente em cada emissora.

Se esta diligência não tiver sucesso, o que pode mesmo acontecer é que haja apenas debate entre os dois candidatos, na RTP. Rui Rio não abre espaço para mais e Santana não recua na sua vontade de passar a mensagem nos três canais de televisão.

Pouco tempo depois do ex-presidente da Câmara do Porto ter tornado público o comunicado, a candidatura do ex-autarca da Figueira da Foz e de Lisboa emitia um texto no qual lembrava que, desde o início da campanha para a presidência do partido, Santana Lopes afirmou a sua “disponibilidade para a realização de debates entre os dois candidatos que permitissem aos militantes do PPD/PSD e aos portugueses em geral conhecer as propostas e ideias principais que os dois defendem”.

“Esta posição (…) foi sendo contrariada pelo candidato Rui Rio de formas diversas, derrogando no tempo qualquer decisão que concretizasse, efectivamente, a realização de debates”, acrescenta o comunicado, no qual se lê ainda que Santana “aguarda pacientemente “ que a candidatura de Rui Rio se disponha e se pronuncie”.

Fonte da candidatura de Rui garantiu entretanto ao PÚBLICO que o “tema dos debates é um assunto encerrado” para o candidato.

 

 

P24 O seu Público em -- -- minutos

-/-

Apoiado por BMW
Mais recomendações