Julia Louis-Dreyfus diagnosticada com cancro da mama recebe apoio de Joe Biden

A actriz que protagoniza Selina Meyer na série Veep e conhecida pelo seu papel em Seinfeld revelou o diagnóstico nas redes sociais.

Foto
Reuters/Lucy Nicholson

Julia Louis-Dreyfus anunciou na sua conta de Twitter que foi diagnosticada com cancro da mama. "Uma em cada oito mulheres tem cancro da mama", começou por escrever. "Hoje sou essa 'uma'".

Numa mensagem com um tom positivo, a actriz diz que está rodeada "pelo mais glorioso grupo de familiares e de amigos cuidadosos e prestáveis". Por outro lado, continua em jeito de crítica à administração de Trump: "A má notícia é que nem todas as mulheres têm tanta sorte, por isso vamos lutar contra todos os cancros e tornar uma realidade a saúde pública universal".

A actriz interpreta actualmente Selina Myers – uma espécie de caricatura de uma vice-presidente dos Estados Unidos –, em Veep. É um papel que já lhe valeu, nos últimos anos, cinco Emmys de melhor actriz numa série de comédia e cinco nomeações aos Globos de Ouro. A actriz é conhecida também pela participação na aclamada série Seinfeld, em que protagonizou Elaine Benes.

Do lado do ex-vice-presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, já chegou uma mensagem de apoio. "Nós os Veeps [vice-president of the United States] mantemo-nos unidos. A Jill e eu e todos os Bidens estamos contigo, Julia", escreveu no Twitter, a acompanhar uma imagem dos dois juntos durante as gravações de um vídeo de paródia. A actriz já respondeu a Biden, declarando que sim, que estão unidos.

We Veeps stick together. Jill and I, and all of the Bidens, are with you, Julia. pic.twitter.com/JP0c2wtrJ6

— Joe Biden (@JoeBiden) 28 de setembro de 2017 ">