Aeroportos nacionais tiveram mais 2,7 milhões de passageiros este Verão

Os aeroportos dos Açores foram os que mais cresceram no trimestre em número de movimentos
Foto
Os aeroportos dos Açores foram os que mais cresceram no trimestre em número de movimentos Enric Vives-Rubio

Nos meses de Julho, Agosto e Setembro de 2016 passaram pelos aeroportos nacionais mais 2,7 milhões de passageiros do que no mesmo período de 2015. De acordo com as estatísticas de transporte relativas ao terceiro trimestre de 2016, divulgadas esta quarta-feira pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), o número de passageiros que se deslocaram pela via aérea aumentou 13,3%. O número de passageiros embarcados e desembarcados passou de 12,060 milhões registados nos três meses de Verão de 2015 para 14,769 milhões no mesmo período de 2016.

De acordo com o INE o número de aeronaves aterradas nos aeroportos nacionais em voos comerciais ultrapassou as 57 mil, o que traduz um crescimento de 11,7%. Foram os aeroportos da região autónoma dos Açores quem teve um desempenho mais acentuado, com quase mais 1200 aviões aterrados que no ano anterior. Setembro foi o mês em que o crescimento do número de movimentos se tornou mais expressivo, tanto no conjunto dos aeroportos (cresceu 13,8%), como no caso concreto dos Açores (o número de movimentos aumentou 24,9% apenas no mês de Setembro). 

Nos meses de Verão de 2016 registou-se nos aeroportos nacionais uma oferta de 17,4 milhões de lugares, e uma taxa de ocupação (o rácio entre o número de passageiros transportados e os lugares disponíveis) de 83%. A companhia de bandeira portuguesa acusou uma ligeira erosão na sua quota de mercado (desceu dos 36,9% registados no segundo trimestre de 2016 para os 34,8% que garantiu nos meses de verão). Os operadores mais relevantes são a irlandesa Ryanair (com 18,8% de quota) e a britânica Easyjet (uma quota de 17,8%).