Melo Ribeiro deixa a presidência da Siemens Portugal

Depois de 21 anos no cargo, o gestor vai ser substituído por Pedro Pires Miranda, um dos vice-presidentes da multinacional.

Carlos Melo Ribeiro
Foto
Carlos Melo Ribeiro MANUEL ROBERTO / PUBLICO

Carlos Melo Ribeiro, que completou uma carreira de 32 anos na multinacional Siemens, vai deixar o cargo de presidente, que ocupou durante 21 anos para abraçar projectos pessoais. O lugar vai ser entregue a Pedro Pires de Miranda, actual vice-presidente corporate da multinacional em Munique.<_o3a_p>

A Siemens está em Portugal há 111 anos e emprega directa e indirectamente cerca de 2000 pessoas, que trabalham em centros de competência à escala mundial nas áreas da energia, infra-estruturas, tecnologias de informação e serviços partilhados. As exportações que saem de Portugal com o selo da Siemens destinam-se a mais de 200 países.<_o3a_p>

Melo Ribeiro assumiu várias responsabilidades na empresa, desde que nela entrou em 1984.  De acordo com o perfil publicado na rede Linkedin, passou pelas áreas do marketing e de finanças, antes de chegar à direcção geral industrial em Portugal, Áustria e Alemanha. Em 2003 a equipa de Portugal foi eleita a melhor região do grupo, “em função dos resultados consistentes alcançados”.<_o3a_p>

Por seu lado, Pedro Pires de Miranda, que assume a presidência executiva desde sábado, tem vasta experiência profissional no seio do grupo, tendo ocupado vários cargos a nível internacional. É licenciado em engenharia electrotécnica e gestão industrial pela Purdue University, West Lafayette, EUA. <_o3a_p>

Sugerir correcção