Estas Adidas são amigas dos oceanos

A marca desportiva e a Parley for the Oceans apresentaram uma cobertura feita com desperdício encontrado nos oceanos e redes de profundidade ilegais

DR
Fotogaleria
DR
DR
Fotogaleria
DR

A Adidas apresentou aquele que deverá ser o primeiro par de sapatilhas cuja cobertura será feita exclusivamente de desperdício encontrado nos oceanos e de redes de profundidade ilegais.

De forma a conceber este novo produto, a marca alemã associou-se à Parley for the Oceans, uma organização que procura alertar para a poluição dos oceanos. "É um espaço onde criadores, pensadores e líderes se encontram para pensarem na beleza e na fragilidade dos nossos oceanos e para colaborarem em projectos que podem acabar com a sua destruição", pode ler-se no site do organismo que recentemente confiscou na costa da África do Sul redes ilegais a uma embarcação depois de 110 dias de investigação.

"Estamos muito orgulhosos de termos como parceiro a Adidas, que colocará nesta missão a sua força criativa de forma a mostrar que é possível transformar o plástico dos oceanos em algo cool", disse Cyrill Gutsch, fundador da Parley for the Oceans.

Foto

O primeiro par (branco e azul marinho) já existe — e até ao final do ano chegarão aos consumidores muitos outros exemplares que utilizarão plástico retirado dos oceanos. "Há muito que a Adidas é líder na sustentabilidade. E esta cooperação permite-nos avançar noutras áreas e com materiais inovadores para os nossos atletas", assume Eric Liedtke, da marca desportiva.

Foto
Foto
Foto