Festas de Lisboa começam com os painéis de S. Vicente projectados na Torre de Belém

O arranque das Festas de Lisboa acontece neste sábado na Torre de Belém. Haverá projecções multimédias, concertos e até um espectáculo dentro de água.

Foto

Músicos, actores, cenógrafos, cantores e designers reúnem-se este sábado, pelas 22h, no espectáculo de abertura das Festas de Lisboa de 2015, intitulado “Quinhentos”, na Torre de Belém. O “espectáculo transdisciplinar” coincide com a noite em que se comemoram os 500 anos da construção da Torre, um dos espaços mais emblemáticos de Lisboa, e com o 40º aniversário das independências dos países africanos colonizados por Portugal.

A empresa municipal EGEAC adianta, em comunicado que, das “paredes de museus” para a Torre de Belém, irão decorrer projecções multimédia de seis obras de arte, recriadas pelo Atelier OCUBO, entre as quais constam, por exemplo, os “Painéis de S. Vicente”, de Nuno Gonçalves; “Domingo Lisboeta”, de Almada Negreiros; a “7.ª Página d’A Berlinda”, de Rafael Bordalo e “25 de Abril de 1974” de Hein Semke.

Aos 13 actores da companhia francesa Ilotopie cabe a condução de um espectáculo dentro de água, criado por Renzo Barsotti. O objectivo é contar a história de Portugal, desde os Descobrimentos, passando pela Restauração da Independência, pelo Terramoto de 1755, Revolução Industrial, o Estado Novo e a Revolução de Abril de 1974. Tudo em plataformas e outras estruturas montadas no Tejo.

Os momentos musicais do espectáculo serão assegurados pela Banda da Armada e pelo Coro Infanto-Juvenil da Universidade de Lisboa que, em interacção com os Beatbombers (Stereossauro & Dj Ride), “acompanham tudo o que se passa à volta”, avança a EGEAC.

A entrada no espectáculo de boas-vindas às Festas de Lisboa é gratuita. 

Texto editado por Ana Fernandes

Sugerir correcção