Antonio Laranjeira DR
Foto
Antonio Laranjeira DR

António Laranjeira apresenta "Luz" na Casa da Música

Concerto de divulgação do novo álbum do fadista foi transferido para a Sala 2

O mau humor da metereologia a isso obriga. Não podendo mostrar-se ao público na espalanada exterior da Casa da Música, tal como estava previsto para sexta feira, dia 6, a apresentação dos fados do álbum "Luz", o último trabalho de António Laranjeira, vai ser transferida para a Sala 2, no interior do edifício. 

Este espectáculo, de entrada livre, vai manter-se apesar do mau tempo que se instalou, porque é possível transferi-lo para outra sala de espectáculo. E assim acontecerá sempre, numa avaliação feita caso a caso e consoante a disponibilidade de espaços. 

Umas semanas antes de participar no Cais do Fado, uma das grandes novidades este ano do programa Verão na Casa, António Laranjeira vai fazer a primeira apresentação pública dos fados do seu último disco.

Muitos conhecem António Laranjeira apenas porque - ou desde que - aceitou integrar o elenco do musical Amália, assinado por Filipe La Féria. Mas é justo dizer-se que foi Beatriz da Conceição, uma das maiores referências do Fado, a primeira a ouvir,  apreciar e interpretar um dos poemas de António Laranjeira. As suas palavras foram cantadas pela voz de muitos fadistas. Seguiram-se outros nomes conhecidos como Alexandra, Isabel Noronha, Tânia Oleiro, José Manuel Barreto, Luisa Rocha, Marla Amastor, Leonor Santos entre outros. Uma das últimas fadistas da nova geração a dar visibilidade às suas palavras e à sua poesia foi a fadista Ana Moura, na música “Venho falar dos meus medos”.