Cameron com orelhas de coelho, cortesia de um jogador de râguebi

Manu Tuilagi pregou uma partida ao primeiro-ministro britânico durante uma visita ao n.º 10 de Downing Street.

Diz o protocolo que, no momento de fotografias oficiais, anfitrião e convidados têm de posar com ar sério. Só que, por vezes, há quem não ligue à cerimónia e é isso que vai ficar para a história.

Foi o que aconteceu no n.º 10 de Downing Street. David Cameron, primeiro-ministro britânico, recebeu na sua residência oficial a equipa dos British & Irish Lions, uma selecção de jogadores de râguebi das Ilhas Britânicas.

No momento da fotografia oficial, Manu Tuilagi, jogador inglês de origem samoana, resolveu fazer uma partida às custas de Cameron e ergueu dois dedos por trás da cabeça do governante, um gesto a que os britânicos chamam "bunny ears" (orelhas de coelhinho).

O movimento não durou mais que dois segundos, mas foi o suficiente para toda a gente reparar, fotografar e filmar. Tuilagi estava muito divertido na altura, mas, depois, usou a rede social Twitter para pedir desculpa pelo gesto.

"Peço desculpa pelas parvoíces na foto dos Lions. Não quis ofender ninguém. Dia fantástico em Downing Street. Obrigado ao primeiro-ministro por nos ter recebido", escreveu o jogador.