Jerónimo Martins à frente da Apple e Google na lista de inovação da Forbes

Supermercados da Sonae e da Jerónimo Martins vão estar abertos no feriado
Foto
A Jerónimo Martins é dona dos supermercados Pingo Doce Pedro Elias/arquivo

A Jerónimo Martins surge em 16.º lugar na lista das empresas mais inovadoras que a Forbes publica anualmente. É a única empresa portuguesa na tabela e surge à frente de multinacionais conhecidas pela inovação como o Google e a Apple.

A revista coloca a empresa americana Salesforce em primeiro lugar. A Salesforce vende software e serviço para clientes empresariais. Em segundo lugar está a farcmacêutica Alexion Pharmaceuticals e em terceiro, outra empresa tecnológica voltada para clientes empresariais, chamada VMware. São ambas também americanas.

Já o Google surge em 47.º e Apple apenas em 79.º. São listadas 100 empresas.


A metodologia usada para criar a lista passa por comparar a diferença entre a valorização bolsista das empresas e uma medição do fluxo de caixa. A diferença, dizem responsáveis pela lista, é o prémio pago pelos investidores pela expectativa de que a empresa será capaz de inovar e trazer ganhos no futuro.

Para além disto, também é preciso estar em bolsa há sete anos (o que deixa de fora, por exemplo, o Facebook) e ter uma valorização bolsista mínima de dez mil milhões de dólares (7500 milhões de euros). 

A Jerónimo Martins, dona do Pingo Doce, tem crescido sobretudo devido à expansão para mercados fora de Portugal, onde se incluem a Polónia e a Colômbia.