Google, Amazon e Kobo vendem no Brasil livros electrónicos em português

Na mesma noite, as três empresas começaram a operar no mercado brasileiro.

Foto
O leitor Kobo está agora à venda no Brasil Daniel Roland/AFP

Uma delas é O Livro dos Manuais, uma série de histórias de Paulo Coelho que nunca tinham sido publicadas em livro. Também há livros do poeta Vinícius de Moraes, cuja obra nunca tinha sido disponibilizada de forma electrónica. Haverá ainda obras do dramaturgo e jornalista Nelson Rodrigues e um livro gratuito do cartoonista Ziraldo, Os Haicais do Menino Maluquinho.

O Kindle passará a ser vendido no site brasileiro da Amazon durante as próximas semanas. Mas o Kindle Direct Publishing, um sistema de publicação directa que permite que autores e editores independentes disponibilizem e vendam as suas obras na Amazon, já está disponível no Brasil.

A Loja Kindle no Brasil tem mais de 1,4 milhões de livros electrónicos em várias línguas. Disponibilizam também 1500 livros gratuitos em português (são obras que estão em domínio público). 

Também a loja brasileira do Google tem gratuitamente obras em domínio público, disponíveis no Google Books, incluindo clássicos da literatura brasileira, como as obras de Machado de Assis.