Espanha ocupa o primeiro lugar da tabela

Portugal teve a quarta maior taxa de desemprego da OCDE em Agosto

Espanha ocupa o primeiro lugar da tabela
Foto
Espanha ocupa o primeiro lugar da tabela Marcelo del Pozo/Reuters

A taxa de desemprego em Portugal foi a quarta mais elevada da Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico (OCDE) em Agosto com 12,3%, quando a média dos 34 países desta entidade se fixou em 8,2%, revelou hoje a organização.

Dos 34 países pertencentes à OCDE com dados disponíveis em Agosto, apenas Espanha (21,2%), Irlanda (14,6%) e Eslováquia (13,4%) se encontravam com taxas de desemprego superiores a Portugal.

“Entre Julho e Agosto as taxas de desemprego mostraram novamente muito pouco movimento na maior parte dos países da OCDE. O maior aumento foi na Austrália (mais 0,2 pontos percentuais, para 5,3%)”, indicou a organização em comunicado.

Do outro lado da tabela está o Japão que apresentou uma queda de 0,4 décimas, baixando a sua taxa de desemprego para os 4,3%. Em relação às sete maiores economias da organização (Alemanha, Canadá, Estados Unidos, França, Itália, Japão e Reino Unido), a taxa de desemprego passou dos 7,8% para os 7,7%, tendo estado estável desde o começo do ano. A Alemanha é, segundo a OCDE, o país que tem conseguido as maiores reduções na taxa de desemprego, estando actualmente nos 6%.

Nos 34 países da OCDE havia 44,3 milhões de pessoas desempregadas em Agosto deste ano, uma redução de 2,3 milhões em comparação com o mesmo mês de 2010, mas superior em 10,4 milhões de pessoas face a Agosto de 2008.