Empresa prevê quebra nos lucros de 14%

Samsung espera amparar queda nos lucros com sucesso dos smartphones

Samsung é a segunda maior empresa de telemóveis
Foto
Samsung é a segunda maior empresa de telemóveis You Sung-Ho/Reuters

A Samsung disse hoje esperar resultados financeiros no terceiro trimestre do ano inferiores a 2010, mas superiores às estimativas dos analistas, dinamizados pelo negócio dos smartphones.

A empresa sul-coreana espera apresentar um lucro operacional entre Julho e Setembro de 4,1 milhões de milhões de won (aproximadamente 2,58 mil milhões de euros), de acordo com um relatório preliminar divulgado esta sexta-feira, que a agência Bloomberg cita.

Esta estimativa, que contempla a tendência de abrandamento da procura, ao nível mundial, de televisões e computadores, revela uma queda de 14% dos lucros face aos 4,86 milhões de milhões de won arrecadados no período homólogo do ano passado, mas um aumento de 12% em relação aos lucros registados entre Abril e Junho.

A Samsung, a segunda maior empresa de telemóveis do mundo, aposta tudo na venda dos smartphones para contrariar as estimativas dos analistas. Segundo a empresa, a quebra do terceiro trimestre fiscal deve ser minorada pelo sucesso na venda de smartphones.

Um grupo de 28 analistas inquiridos pela Bloomberg aponta para um lucro médio de 3,7 milhões de milhões de won, ao passo que os especialistas ouvidos pela Reuters crêem num resultado médio de 3,4 milhões de milhões de won.

No segundo trimestre, a empresa sul-coreana vendeu apenas menos um milhão de smartphones do que a líder Apple, mas, de acordo com a agência Reuters, deve ascender ao primeiro lugar do pódio neste trimestre, destronando a empresa fundada por Steve Jobs. Até ao final deste ano, a Samsung espera ter vendido 60 milhões de unidades.

No mesmo comunicado, a empresa sediada em Suwon, na Coreia do Sul, ressalva que os lucros operacionais podem variar até 200 mil milhões de won face à estimativa hoje apresentada, quando os resultados forem anunciados, no final deste mês.