UNIHSNOR do Norte com adesão de 99 por cento à proibição de fumo

Porto: Cafés Majestic e Guarany dizem não ao tabaco a partir de Janeiro

O Majestic será um dos locais livres de tabaco de acordo com a nova lei
Foto
O Majestic será um dos locais livres de tabaco de acordo com a nova lei Manuel Roberto

A União de Empresas de Hotelaria, de Restauração e de Turismo (UNIHSNOR) anunciou hoje, no Porto, que entre os seus cerca de cinco mil associados da zona Norte do país só um por cento vai permitir o consumo de tabaco nas suas instalações. Entre os estabelecimentos livres de fumo a partir de Janeiro estão os cafés Majestic e Guarany.

O levantamento realizado revela que 95 por cento já decidiu que vai proibir o tabaco nos seus espaços e quatro por cento ainda estão indecisos. Os dados resultam da interpretação dos pedidos feitos à UNIHSNOR para o fornecimento dos dísticos que vão identificar os estabelecimentos livres de fumo.

Na lista dos estabelecimentos que promete garantir um ambiente cem por cento sem fumo estão os conhecidos Café Majestic e Café Guarany mas também a Casa Aleixo, o Hotel D. Henrique, a Confeitaria Cunha, entre muitos outros. A UNIHSNOR é uma das associações nacionais que representa o sector da hotelaria, restauração e turismo.

A associação entregou hoje cem adesões ao projecto “Ambiente 100% Sem Fumo” que a Administração Regional de Saúde do Norte está a desenvolver com o objectivo de criar espaços livres de tabaco.