Nas eleições de sexta-feira

Presidente da Distrital de Viseu do PSD demite-se depois de derrota de Marques Mendes

José Cesário
Foto
José Cesário Bruno Castanheira

O presidente da Distrital do PSD de Viseu, José Cesário, demitiu-se do cargo, depois de o candidato que apoiava, Marques Mendes, ter sido derrotado nas eleições directas de sexta-feira. Este abandono junta-se ao do presidente da distrital de Santarém.

A decisão de José Cesário foi anunciada ontem à noite, durante a assembleia distrital do PSD em Viseu.

"Esta minha decisão tem mais a ver com o facto de pretender facilitar e acelerar o processo eleitoral para a distrital, de forma a que o futuro órgão possa espelhar a nova realidade do PSD no todo nacional", adiantou Cesário.

Segundo José Cesário, a sua decisão foi tomada no sentido de deixar claro que não pretende "influenciar ou parecer querer influenciar" quais os elementos do distrito que venham a integrar os órgãos nacionais no rescaldo da eleição do novo líder, Luís Felipe Menezes.

O mandato de Cesário terminava em Dezembro, mas com a demissão as eleições para a liderança da distrital de Viseu poderão ocorrer ainda no mês de Novembro.

José Cesário não coloca de parte a possibilidade de surgir uma lista alternativa à sua composta por elementos próximos ao presidente eleito do PSD nas directas de 28 de Setembro.