Vasco Lourenço

Todos os tópicos

  • Na semana em que o Congresso Democrático das Alternativas, fundado em 2012, decidiu "pôr termo formal às suas actividades", falámos com um dos seus fundadores, o economista Ricardo Paes Mamede, sobre a influência desta organização no entendimento à esquerda.

  • É certo que nem toda a gente é Vasco Lourenço, mas o seu espírito paira sobre as cabeças do PS, do Bloco, do PCP e de metade do PSD.

  • Há reivindicações mas, com um Executivo com o apoio do PCP e do Bloco de Esquerda, as comemorações deste ano têm outro tom.

  • O presidente da Associação 25 de Abril já tinha dito que, com um novo Governo, um novo quadro parlamentar e um novo Presidente da República, a associação dá “o benefício da dúvida”, está “esperançada” e voltará a participar nas comemorações da Revolução.

  • Bloco é o único que se compromete a avançar com projecto de lei, mas diz que a reflexão deve ser feita depois da discussão do Orçamento de Estado. CDS defende que Parlamento não tem mandato para decidir sobre este tema.

  • No dia da apresentação da sua biografia “oficiosa”, o candidato a Belém falou da “abrangência” da sua campanha, que até mobiliza pessoas “ligadas ao CDS”.