Este conteúdo é reservado a utilizadores registados

Entrar

A banca da Groundforce e a do zé-ninguém e o patriotismo obrigatório em Macau

29 de março de 2021
14:00

Uma conversa em torno da banca em Portugal e de como esta opera com dois pesos e duas medidas, da mordaça imposta à imprensa de língua portuguesa em Macau quando o assunto é Pequim (e do silêncio de Portugal em relação ao assunto) e, mais uma vez, daquilo que significa ser-se de direita ou de esquerda. João Miguel Tavares e Rui Tavares respondem ainda a um leitor que quis saber de que lado estará a Europa na competição EUA/China. As Conversas também são um podcast.

  • Autores
  • João Miguel Tavares

    João Miguel Tavares

    Jornalista

  • Rui Tavares

    Rui Tavares

    Historiador e fundador do Livre

  • Moderação
  • Manuel Carvalho

    Manuel Carvalho

    Director do Público

Mais episódios

×