O ensino da História é importante para a identidade nacional? Governo e professores em desacordo

Relatório sobre o ensino da História na Europa aponta o dedo à redução da carga lectiva desta disciplina. E alerta para a “manipulação” da História, que conhece agora um dos seus pontos altos.

Foto
Os tempos lectivos atribuídos a História são menos de metade do que o recomendado Nelson Garrido (arquivo)
Ouça este artigo
00:00
05:07

O “reforço da identidade nacional” é um dos resultados do ensino da História que o Ministério da Educação português entende ser “muito importante”. Dos 16 países que integram o Observatório do Ensino de História na Europa (OHTE, na sigla em inglês), esta opinião só é partilhada pelas autoridades educativas da Arménia, Grécia, Malta, Sérvia e Turquia.

Os leitores são a força e a vida do jornal

O contributo do PÚBLICO para a vida democrática e cívica do país reside na força da relação que estabelece com os seus leitores.Para continuar a ler este artigo assine o PÚBLICO.Ligue - nos através do 808 200 095 ou envie-nos um email para assinaturas.online@publico.pt.
Sugerir correcção
Ler 11 comentários