Fotografia

Rever 2022 através das páginas do Anuário da agência Lusa

O lançamento do Anuário Lusa 2022 está marcado para 9 de Fevereiro, em Lisboa, e para dia 16 no Porto. O grande destaque do livro vai para a guerra da Ucrânia, "que interrompeu anos de paz na Europa".

Capa - Uma semana e meia após a invasão russa da Ucrânia, a estação de comboios de Lviv continuava a ser ponto de chegada e partida de dezenas de milhares de refugiados em fuga das zonas de conflito. A maioria partia para a Polónia, a cerca de 80 quilómetros. MIGUEL A. LOPES
Fotogaleria
Capa - Uma semana e meia após a invasão russa da Ucrânia, a estação de comboios de Lviv continuava a ser ponto de chegada e partida de dezenas de milhares de refugiados em fuga das zonas de conflito. A maioria partia para a Polónia, a cerca de 80 quilómetros. MIGUEL A. LOPES

Folhear o Anuário da agência Lusa é passar em revista o ano anterior. No caso do livro dedicado a 2022, que será lançado no dia 9 de Fevereiro em Lisboa, no El Corte Inglês, e no dia 16 no Porto, na Fnac do Norteshopping, o grande destaque vai para a guerra da Ucrânia, que estalou a 24 de Fevereiro e que alterou profundamente as relações políticas a nível mundial. “Era importante dar um relevo especial à guerra na Ucrânia, que interrompeu anos de paz na Europa", refere Joaquim Carreira, presidente do Conselho de Administração da agência Lusa, num comunicado dirigido ao P3.

Nas duas dezenas de páginas do Anuário que são exclusivamente dedicadas ao conflito entram textos e fotografias dos enviados Pedro Caldeira Rodrigues, Henrique Botequilha, Miguel Lopes, Paulo Agostinho e Nuno Veiga

A décima edição, de 192 páginas, reúne textos e mais de duas centenas de fotografias dos jornalistas e fotojornalistas da agência noticiosa. A vitória por maioria absoluta do Partido Socialista nas eleições legislativas, a inesperada vitória de Paulo Raimundo à liderança do PCP e a conquista da liderança do PSD de Luís Montenegro, as eleições de Angola, as inúmeras secas, incêndios e inundações que o país enfrentou são alguns dos acontecimentos visados no Anuário, mas não só; a morte da rainha Isabel II e os casos de pedofilia associados à Igreja Católica portuguesa também preenchem as páginas do livro editado pela Alêtheia, em versão bilingue (português e inglês) que será comercializado online e em livrarias de todo o país. Será possível aceder, através de códigos QR, a conteúdos digitais, como "uma cronologia com os principais momentos do ano, e ao vídeo do ano de 2022 da Lusa".

À semelhança do que sucedeu em 2021, uma exposição de 14 fotografias que compõem o Anuário estará em itinerância pelas lojas FNAC do país. 

Abertura Ucrânia - Tatiana enterrou o filho e o marido mortos por militares russos. Um dia depois do início da invasão russa, os três saíram de Kiev e foram para uma casa no campo, de onde também acabaram por fugir. Iam numa coluna de cinco carros quando se depararam com uma posição militar russa e ficaram entre as tropas dos dois lados. O marido foi atingido e o carro bateu numa árvore. O filho estava no banco de trás e não conseguiu sair. Sobreviveu Tatiana que afirmou emocionada à Lusa: “Consegui escapar. Mas escapar para quê? Para apenas os enterrar.”.
Abertura Ucrânia - Tatiana enterrou o filho e o marido mortos por militares russos. Um dia depois do início da invasão russa, os três saíram de Kiev e foram para uma casa no campo, de onde também acabaram por fugir. Iam numa coluna de cinco carros quando se depararam com uma posição militar russa e ficaram entre as tropas dos dois lados. O marido foi atingido e o carro bateu numa árvore. O filho estava no banco de trás e não conseguiu sair. Sobreviveu Tatiana que afirmou emocionada à Lusa: “Consegui escapar. Mas escapar para quê? Para apenas os enterrar.”. Nuno Veiga
Janeiro de 2022 - António Costa e o Partido Socialista (PS) vencem as eleições legislativas. Com a conquista da maioria absoluta, com 41,6% dos votos, o PS elegeu 117 deputados e António Costa iniciou o seu terceiro Governo, quando faltava apurar os círculos da emigração.
Janeiro de 2022 - António Costa e o Partido Socialista (PS) vencem as eleições legislativas. Com a conquista da maioria absoluta, com 41,6% dos votos, o PS elegeu 117 deputados e António Costa iniciou o seu terceiro Governo, quando faltava apurar os círculos da emigração. MIGUEL A. LOPES
Fevereiro de 2022 - Foz do Alge, cruzamento da ribeira do Alge com o rio Zêzere. A seca extrema levou a que as embarcações e o cais de embarque ficassem em terra. A descida do nível da água quase permitiu atravessar o rio a pé.
Fevereiro de 2022 - Foz do Alge, cruzamento da ribeira do Alge com o rio Zêzere. A seca extrema levou a que as embarcações e o cais de embarque ficassem em terra. A descida do nível da água quase permitiu atravessar o rio a pé. PAULO NOVAIS
Março de 2022 - Duas semanas dias depois da invasão da Ucrânia pela Rússia, cerca de 260 refugiados ucranianos chegaram a Portugal num voo humanitário de iniciativa civil. Dois empresários, um ucraniano residente em Portugal e um português, criaram a associação Ukrainian Refugees (UAPT) que, com o apoio do Estado Português, da companhia aérea Euroatlantic e da Galp, conseguiram enviar para a Ucrânia 35 toneladas de equipamento, alimentos e medicamentos, e trazer para Portugal 267 pessoas (crianças, mulheres e jovens).
Março de 2022 - Duas semanas dias depois da invasão da Ucrânia pela Rússia, cerca de 260 refugiados ucranianos chegaram a Portugal num voo humanitário de iniciativa civil. Dois empresários, um ucraniano residente em Portugal e um português, criaram a associação Ukrainian Refugees (UAPT) que, com o apoio do Estado Português, da companhia aérea Euroatlantic e da Galp, conseguiram enviar para a Ucrânia 35 toneladas de equipamento, alimentos e medicamentos, e trazer para Portugal 267 pessoas (crianças, mulheres e jovens). RODRIGO ANTUNES
Abril de 2022 - A iniciativa “Obrigado a Portugal (Glória a Portugal)” decorreu na Praça do Comércio, em Lisboa, e reuniu cidadãos ucranianos que quiseram agradecer a solidariedade do povo português para com o povo ucraniano.
Abril de 2022 - A iniciativa “Obrigado a Portugal (Glória a Portugal)” decorreu na Praça do Comércio, em Lisboa, e reuniu cidadãos ucranianos que quiseram agradecer a solidariedade do povo português para com o povo ucraniano. ANTÓNIO PEDRO SANTOS
Maio de 2022 - Luís Montenegro foi eleito 19.º presidente do Partido Social Democrata (PSD). Montenegro venceu as eleições diretas a Jorge Moreira de Silva.
Maio de 2022 - Luís Montenegro foi eleito 19.º presidente do Partido Social Democrata (PSD). Montenegro venceu as eleições diretas a Jorge Moreira de Silva. MANUEL FERNANDO ARAÚJO
Junho de 2022 - A 2.ª Conferência dos Oceanos da Organização das Nações Unidas, organizada em conjunto por Portugal e pelo Quénia, juntou líderes de todo o mundo em Lisboa, sob o lema “Salvar os Oceanos, Proteger o Futuro”. Enquanto as reuniões decorriam, foram várias as ações de protesto levadas a cabo por activistas.
Junho de 2022 - A 2.ª Conferência dos Oceanos da Organização das Nações Unidas, organizada em conjunto por Portugal e pelo Quénia, juntou líderes de todo o mundo em Lisboa, sob o lema “Salvar os Oceanos, Proteger o Futuro”. Enquanto as reuniões decorriam, foram várias as ações de protesto levadas a cabo por activistas. TIAGO PETINGA
Julho de 2022 - Não fica nada para trás. João Paulo, habitante de Boa Vista, no concelho de Leiria, fez questão de salvar tudo o que pôde do incêndio que atingiu a localidade.
Julho de 2022 - Não fica nada para trás. João Paulo, habitante de Boa Vista, no concelho de Leiria, fez questão de salvar tudo o que pôde do incêndio que atingiu a localidade. Paulo Cunha
Agosto de 2022 - O Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) encerrou a campanha para as eleições gerais com um comício em Luanda, que contou com milhares de militantes. João Lourenço foi reeleito Presidente da República da Angola.
Agosto de 2022 - O Movimento Popular de Libertação de Angola (MPLA) encerrou a campanha para as eleições gerais com um comício em Luanda, que contou com milhares de militantes. João Lourenço foi reeleito Presidente da República da Angola. PAULO NOVAIS
Setembro de 2022 - “God Save the Queen”. Cerimónias fúnebres de Isabel II, Rainha de Inglaterra. A monarca morreu aos 96 e após 70 anos daquele que foi o mais longo reinado da história do Reino Unido. No cortejo, em Londres, participaram os filhos e netos da Rainha.
Setembro de 2022 - “God Save the Queen”. Cerimónias fúnebres de Isabel II, Rainha de Inglaterra. A monarca morreu aos 96 e após 70 anos daquele que foi o mais longo reinado da história do Reino Unido. No cortejo, em Londres, participaram os filhos e netos da Rainha. NUNO VEIGA
Outubro de 2022 - Na semana em que a Comissão Independente para o Estudo dos Abusos Sexuais contra as Crianças na Igreja Católica Portuguesa anunciou ter recebido 424 testemunhos, o presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, José Ornelas, afirmou que os abusos sexuais na Igreja Católica são acontecimentos dramáticos que “não têm desculpa”, considerando que qualquer “número é sempre demasiado” e uma derrota.
Outubro de 2022 - Na semana em que a Comissão Independente para o Estudo dos Abusos Sexuais contra as Crianças na Igreja Católica Portuguesa anunciou ter recebido 424 testemunhos, o presidente da Conferência Episcopal Portuguesa, José Ornelas, afirmou que os abusos sexuais na Igreja Católica são acontecimentos dramáticos que “não têm desculpa”, considerando que qualquer “número é sempre demasiado” e uma derrota. PAULO CUNHA
Novembro de 2022 - Passagem de testemunho. Paulo Raimundo foi o nome escolhido pela direcção do Partido Comunista Português para suceder a Jerónimo de Sousa na liderança do partido. Jerónimo foi secretário-geral dos comunistas durante quase 18 anos.
Novembro de 2022 - Passagem de testemunho. Paulo Raimundo foi o nome escolhido pela direcção do Partido Comunista Português para suceder a Jerónimo de Sousa na liderança do partido. Jerónimo foi secretário-geral dos comunistas durante quase 18 anos. ANTÓNIO PEDRO SANTOS