Os números não mentem: o Brasil deseja outro alguém

Mesmo com uma vitória de Lula , o Homo brasilis mediavalis acordado pelo bolsonarismo hibernará, mas sua cultura política anticívica intervirá na vida do país por muitos anos.

Na última semana de campanha antes da votação do primeiro turno, neste domingo, o bolsonarismo dá claros sinais de exaustão. Mesmo com um sólido grupo de apoiadores que ronda um terço dos eleitores, Bolsonaro (Partido Liberal) demonstra grande dificuldade para conquistar novos votos e garantir sua reeleição.

Sugerir correcção
Ler 2 comentários