Líder republicano no Senado defende reforma contra subversão das eleições presidenciais

Mitch McConnell acusou Donald Trump de ser o responsável pela invasão do Capitólio, mas votou contra a destituição do ex-Presidente dos EUA. Agora, deu o seu apoio a uma importante reforma da Lei da Contagem Eleitoral, usada por Trump para tentar subverter a eleição de 2020.

Foto
Mitch McConnell com Donald Trump, num comício do então Presidente dos EUA em 2019 Reuters/Yuri Gripas

O Congresso dos Estados Unidos prepara-se para aprovar, com o apoio de vários senadores do Partido Republicano, uma alteração às leis de contagem e certificação dos votos, nas eleições presidenciais, que dificultará novas tentativas de subversão dos resultados como a que foi liderada por Donald Trump em 2020.

Sugerir correcção
Comentar