“Marty” Martin (1941-2022), o embaixador das cascavéis

Morreu aos 80 anos o homem que transformou uma paixão de criança num trabalho de adulto.

Foto
Foto tirada por Joe Villari, da Fundação Virginia Outdoors DR

O herpetólogo William “Marty” Martin, que transformou o seu fascínio de infância por cobras numa carreira e se tornou uma das principais autoridades sobre a cascavel-da-madeira-oriental, morreu no dia 2 de Agosto, em Shepherdstown, uma vila americana na Virgínia Ocidental. Tinha 80 anos e passou várias décadas da sua vida a vasculhar a região dos Apalaches e mais além com o objectivo de rastrear populações de cascavéis e ameaças de mudanças climáticas e invasão humana.

Sugerir correcção
Comentar