Vila Real, Bragança e Guarda sob aviso amarelo devido ao calor e 70 concelhos em risco máximo de incêndio

Os avisos devido à persistência de valores elevados da temperatura máxima foram feitos neste domingo pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera.

Foto
A seca chegou a Trás-os-Montes, na foto estão terrenos de António Granjo, criador de vacas mirandesas Miguel Manso

Os distritos de Vila Real, Bragança e Guarda estão neste domingo sob aviso amarelo devido ao calor, segundo o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA). Além disso, de acordo com a mesma entidade, perto de 70 de concelhos do interior Norte e Centro do país estão em perigo máximo de incêndio rural.

O aviso amarelo devido à persistência de valores elevados da temperatura máxima nestes três distritos, para os quais estão previstos 37 graus em Bragança, 35 em Vila Real e 30 na Guarda, vigora até às 18h de domingo, de acordo com a informação publicada no "site” do IPMA.

O Grupo Central dos Açores, constituído pelas ilhas Terceira, Graciosa, São Jorge, Pico e Faial, está sob aviso laranja, mas devido à previsão de chuva forte até às 9h locais de hoje (10h em Lisboa), passando a aviso amarelo a partir do meio-dia (13h em Lisboa).

O IPMA informa ainda que os distritos de Viana do Castelo e do Porto estão hoje com risco elevado de exposição aos raios ultravioleta (UV) e os restantes distritos de Portugal continental em risco muito elevado, assim como a Região Autónoma da Madeira e a ilha das Flores, nos Açores.

As ilhas açorianas Terceira e São Miguel estão em risco elevado de exposição aos raios ultravioleta (UV).

Risco máximo de incêndio

De acordo com a informação do IPMA, os 70 de concelhos do interior Norte e Centro do país que estão em perigo máximo de incêndio rural localizam-se nos distritos de Bragança, Vila Real, Guarda, Viseu, Castelo Branco e Coimbra.

O IPMA colocou também em risco muito elevado de incêndio rural cerca de 60 concelhos dos distritos Viana do Castelo, Vila Real, Braga, Porto, Aveiro, Viseu, Coimbra, Leiria, Santarém, Portalegre e Faro.

O risco de incêndio, determinado pelo IPMA, tem cinco níveis, que vão de reduzido a máximo e os cálculos são obtidos a partir da temperatura do ar, humidade relativa, velocidade do vento e quantidade de precipitação nas últimas 24 horas.

Para hoje, as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera apontam para céu pouco nublado ou limpo, apresentando períodos de muito nublado no litoral oeste até ao final da manhã, nebulosidade que poderá persistir em alguns locais da faixa costeira a norte do Cabo Raso.

Há também a possibilidade de ocorrência de chuviscos em alguns locais do litoral Norte e Centro.

O vento soprará em geral fraco, predominando do quadrante oeste, soprando temporariamente moderado de sudoeste na costa sul do Algarve durante a tarde, e sendo por vezes forte (até 40 km/h) do quadrante norte nas terras altas da região Norte até final da manhã e a partir do final da tarde. As temperaturas as máximas vão oscilar entre os 21 graus em Braga e no Porto e os 37 graus em Bragança.

Sugerir correcção
Comentar