Mereceu a pena?

Porque é que perpetuar a guerra na Ucrânia é mais importante do que avançar na transição energética? Que maioria democrática decidiu nesse sentido?

Foto
Forças pró-russas em Mariupol, em Abril Reuters/ALEXANDER ERMOCHENKO

Começa a ser evidente que os neoconservadores norte-americanos conseguiram impor na Europa, através de uma guerra de informação sem precedentes, uma vertigem bélica e anti-russa, cujas consequências levará tempo a avaliar. É, no entanto, possível identificar os sinais do que vem por aí.

Sugerir correcção
Ler 156 comentários