“Há uma sobreposição entre o populismo e autoritarismo de direita e o novo fascismo”

Hoje, mais do que em qualquer outro momento da história recente, expõe o inglês Paul Mason, a liberdade está ameaçada por totalitarismos. “É nas crises e nas guerras que o fascismo mais opera e se dissemina”, diz a propósito do seu novo livro, Como Travar o Fascismo.

Foto
THEO MCINNES

Há três anos, quando lançou o livro Um Futuro Livre e Radioso (2019, Objectiva), havíamo-nos encontrado num pequeno café italiano no coração de Londres. Agora, foi em sua casa que, por assim dizer, nos recebeu. “Por mais que utilize o Zoom e que esteja a olhar para outra pessoa no ecrã, parece-me sempre que estou a falar comigo próprio, o que é muito estranho. E o facto de estar aqui, em minha casa, a falar consigo, em vez de diminuir, ajuda a intensificar a sensação”, ri-se ele.

Sugerir correcção
Ler 13 comentários