Gastos do SNS com exames e análises no privado dispararam em 2021

No ano passado, os custos com o sector convencionado ascenderam a 714 milhões de euros, especialmente devido às análises clínicas. Um crescimento que terá sido muito impulsionado pela realização de testes à covid-19.

Foto
Análises clínicas, radiologia e medicina física e de reabilitação são as que têm maior peso nos encargos Miguel Manso

Os encargos do Serviço Nacional de Saúde (SNS) com a realização de meios complementares de diagnóstico e terapêutica (MCDT) realizados no privado dispararam no ano passado. Segundo dados do Portal do SNS, em 2021 os custos com o sector convencionado ascenderam a 714 milhões de euros, especialmente devido às análises clínicas. Um crescimento que terá sido muito impulsionado pela realização de testes à covid-19, tal como já tinha acontecido em 2020.

Sugerir correcção
Ler 18 comentários