Reduzir período de isolamento de infectados com covid? Temos de começar a pensar nisso

Vacinação e informação sobre o período de transmissibilidade da doença contribuem para que especialistas considerem que evolução idêntica à dos EUA, que decidiu diminuir o período de isolamento de infectados sem sintomas para cinco dias, em vez de dez, será uma realidade, mais cedo ou mais tarde.

Foto
Pessoas com testes positivos devem isolar-se durante cinco dias nos EUA Nuno Ferreira Santos

O Centro de Controlo e Prevenção de Doenças norte-americano actualizou as regras de isolamento e quarentena relacionadas com a covid-19, determinando que as pessoas infectadas com a doença, mas sem sintomas, devem manter-se isoladas apenas durante cinco dias, devendo, nos cinco dias posteriores, continuar a usar máscara. Por cá, salvo casos excepcionais, o período de isolamento para doentes com ou sem sintomas termina ao fim de dez dias, mas para estes últimos, é necessário um teste, no final desse período, para determinar se é possível o regresso ao convívio. Especialistas admitem que uma redução como a definida pelos Estados Unidos pode ser o passo seguinte.

Sugerir correcção
Ler 11 comentários