A Fórmula 1 já tem um campeão da família Verstappen

Uma relação intensa, muitas vezes perto da violência física e psicológica, acabou por formatar a personalidade de Max, que se tornaria no mais jovem piloto a estrear-se num F1.

Foto
Verstappen destronou Hamilton no trono da Fórmula 1 Reuters/HAMAD I MOHAMMED

No final de 2003, a carreira de Jos Verstappen na Fórmula 1 (F1) chegou ao fim sem o sucesso que o próprio anteciparia. Passou a dedicar-se a 100% ao futuro do filho Max, então com seis anos, que se iniciava nas competições de kart, modalidade em que a sua mãe, a belga Sophie Kumpen, foi bicampeã. Exigiu-lhe total dedicação, impondo-lhe disciplina e ambição, com muita dureza à mistura, até o transformar no piloto empolgante e implacável que chegou à F1 em 2015, com apenas 17 anos. A recompensa chegou este domingo na última volta do Grande Prémio (GP) de Abu Dhabi, onde o jovem Verstappen conquistou, de forma espectacular, o seu primeiro título mundial.

Sugerir correcção
Comentar