Só 2% da Grande Barreira de Coral escaparam a branqueamentos recentes

Cientistas destacam que 80% dos recifes foram afectados pelo branqueamento em 2016, 2017 e 2020.

Foto
Apenas 2% da Grande Barreira de Coral escaparam a branqueamentos desde 1998 Centro de Excelência para o Estudo dos Recifes de Coral

Um novo estudo revela que, nas últimas três décadas, apenas 2% da Grande Barreira de Coral (na Austrália) conseguiram escapar ao impacto de branqueamentos causados por vários fenómenos climáticos extremos. O estudo publicado na última sexta-feira na revista Current Biology é mais um alerta: a frequência e a intensidade dos fenómenos climáticos extremos estão a aumentar devido às alterações climáticas.

Sugerir correcção
Comentar