Amizades “atypicas”: relações de amizade na perturbação do espectro do autismo

Apesar destas dificuldades, as relações de amizade são preditoras de uma maior sensação de bem-estar subjetivo, bem como protetoras da saúde mental. As pessoas com PEA não são a exceção à regra.

Foto
O personagem Sam Gardner, interpretado pelo actor inglês Keir Gilchrist, é um jovem com perturbações do espectro do autismo DR

No dia 30 de julho foi celebrado o Dia Internacional da Amizade, na mesma altura em que se estreou a 4.ª temporada da série Atypical, na Netflix. A série retrata a vida de Sam, um jovem com perturbação do espectro do autismo (PEA), que navega pelo mundo social e os seus desafios, através das suas relações familiares, amorosas e de amizade. Mas, afinal, como é vivida a amizade pelas pessoas com PEA?