Novo presidente da Assembleia Geral da ONU quer “dar esperança” a todos o que sofrem com a pandemia

Abdulla Shahid, ministro dos Negócios Estrangeiros das Maldivas, toma posse esta terça-feira e inaugura a 76ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas. Debates começam no dia 21.

Foto
Alasdair Pal/REUTERS

A 76ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, que arranca formalmente esta terça-feira, tinha sido pensada para enviar ao mundo uma mensagem de um certo regresso à normalidade. Mas, ao fim de mais de ano e meio de pandemia, e numa altura em que ainda há partes significativas do globo com dificuldades em travar a propagação do vírus SARS-CoV-2, o principal evento da organização mundial está longe de ser um virar de página.