Cientistas “apanham” jacto disparado por buraco negro numa galáxia vizinha

Equipa internacional usou o Telescópio Event Horizon para olhar para as redondezas de um buraco negro na galáxia activa mais próxima da Terra, a Centaurus A.

Foto
A galáxia Centaurus A com os jactos brilhantes do buraco negro DR

O tamanho, ou neste caso, a massa de um buraco negro não importa, quando estamos a falar dos jactos de plasma que disparam. Uma equipa internacional de cientistas usou o Telescópio Event Horizon para conseguir imagens de alta resolução de um jacto disparado pelo buraco negro supermaciço numa galáxia vizinha da Via Láctea, a Centaurus A. As observações descritas num artigo publicado esta segunda-feira na revista Nature Astronomy sugerem que buracos negros com massas distintas se comportam de forma semelhante.

Sugerir correcção
Comentar