PSDB desmente acusações de Bolsonaro de fraude nas presidenciais brasileiras de 2014

Presidente do Brasil disse que Dilma Rousseff derrotou Aécio Neves devido a fraude eleitoral. O próprio vice do candidato derrotado nega a existência de irregularidades: “A eleição foi limpa, perdemos porque nos faltaram votos”.

Foto
Dilma Rousseff foi reeleita em 2014 com 52% dos votos, contra 48% de Aécio Neves RICARDO MORAES/Reuters

O candidato a vice-presidente na campanha de Aécio Neves, do Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB), nas eleições presidenciais de 2014 no Brasil, o ex-senador Aloysio Nunes Ferreira, rebateu as suspeitas levantadas pelo Presidente Jair Bolsonaro e disse que os tucanos, nome pelo qual são conhecidos os membros do PSDB, não foram derrotados por fraude.