PSD aprovou lei que mantém libertação de presos

PSD e PS propuseram alteração da vigência do regime num processo legislativo urgente. CDS vai propor revogação.

Foto
Rui Rio criticou a libertação de reclusos mas o PSD permitiu o prolongamento da vigência da lei LUSA/MANUEL FERNANDO ARAUJO

O PSD aprovou, em Maio do ano passado, uma alteração ao regime especial de perdão de penas no âmbito da covid-19 que permitiu prolongar a sua vigência até agora. Essa alteração choca com as críticas públicas lançadas, no passado domingo, por Rui Rio contra a libertação de reclusos em barda.