“Sim, fui eu que matei o Luís.” Ex-consultor de Rosa Grilo revela alegada confissão da viúva

Reclusa terá revelado pela primeira vez o que fez durante conversa telefónica a partir da prisão. Deixa também pedidos de desculpa ao filho, aos pais, à sua família e à família de Luís Grilo. “Principalmente ao meu filho.”

Foto
Rosa Grilo foi condenada a 25 anos de prisão ANTÓNIO PEDRO SANTOS

“Sim, fui eu que matei o Luís.” O ex-consultor de Rosa Grilo, o antigo inspector da Judiciária João de Sousa, colocou esta madrugada online uma gravação de uma conversa telefónica que alegadamente manteve com a viúva em que se ouve a sua interlocutora confessar o homicídio do marido.