Portugal volta à zona verde. Mais uma morte e 610 casos de covid-19

Continuam hospitalizadas 397 pessoas em Portugal, menos 32 do que no dia anterior, das quais 110 se encontram em unidades de cuidados intensivos, menos três.

Portugal registou na terça-feira mais uma morte e 610 infecções pelo novo coronavírus, de acordo com o boletim da Direcção-Geral da Saúde (DGS) publicado nesta quarta-feira. O índice de transmissibilidade, o R(t), nacional desceu de 1 (na segunda-feira) para 0,98 nesta quarta-feira, mas a incidência a 14 dias por 100 mil habitantes a nível nacional subiu de 71,8 para 72,7.

A única morte registada foi na região Centro. A vítima era do sexo feminino e tinha entre 70 e 79 anos. 

No total, há ainda 397 doentes hospitalizados, menos 32 do que no dia anterior, dos quais 110 estão em cuidados intensivos, menos três.

Desde o início da pandemia, em Março de 2020, o país soma 832.255 casos confirmados e 16.952 vítimas mortais. Há, também, mais 532 pessoas recuperadas nesta quarta-feira, num total de 790.650.

Subtraídos os óbitos e os recuperados ao número total de infecções, resultam, então, 24.653 casos activos em Portugal, mais 77 do que no dia anterior. Há, ainda, 21.681 contactos em vigilância pelas autoridades, menos 185 do que no último balanço.

O país regressa à zona verde da matriz de risco, que marca o compasso do desconfinamento pelo cruzamento da incidência do vírus (o número de casos por cada cem mil habitantes) com o índice da transmissibilidade, o R(t) )(o número de casos de infecção a que uma pessoa com covid-19 dá origem).

A matriz de risco foi actualizada nesta quarta-feira e regista uma ligeira descida do índice de transmissibilidade, mas um aumento da incidência. O R(t) a nível nacional é agora de 0,98​, e de 0,99 no continente. Já a incidência a 14 dias por cem mil habitantes é de 72,7 casos a nível nacional e 68,9 no território continental. Esta matriz de risco é actualizada às segundas, quartas e sextas-feiras.

O Norte é a região com mais novos casos confirmados, 285, seguindo-se Lisboa e Vale do Tejo, com 189 infecções. Os restantes foram contabilizados no Centro (mais 53), no Algarve (19), e no Alentejo (16). A Região Autónoma dos Açores soma mais 29 casos e na Madeira foram detectados 19.

Segundo o relatório da DGS, já faleceram de covid-19 8906 homens e 8046 mulheres, sendo que 11.158 tinham acima de 80 anos, o que corresponde a 65,8% do total.