Palma pode ser o ponto de viragem do conflito em Cabo Delgado

As primeiras mortes de estrangeiros, a falta de paciência da Total com as garantias de segurança não cumpridas pelo Governo e a pressão internacional deixam Filipe Nyusi com pouca margem de manobra.

Foto
Bebé alvejado no ataque dos jihadistas em Palma é atendido no hospital em Pemba LUIS FONSECA/LUSA

O ataque dos insurgentes jihadistas à vila de Palma, reivindicado pelo Daesh, pode transformar uma das acções mais ousadas da guerra em Cabo Delgado na derradeira pedra para a sua transformação num conflito internacional. Não só morreram estrangeiros, como o ataque e a tomada de controlo de Palma põem em causa o maior investimento privado no continente africano.