Debate entre Marcelo e Ventura foi o mais visto desde 2012

O frente-a-frente entre o actual Presidente e o líder do Chega foi o debate mais visto desde 2012 transmitido por um só canal. SIC Notícias teve 247 mil espectadores.

Foto
LUSA/JOSÉ FERNANDES

O debate entre Marcelo Rebelo de Sousa e André Ventura transmitido na SIC na quarta-feira à noite foi acompanhado por 1,834 milhões de espectadores. De acordo com informação da televisão do grupo Impresa, com base em dados da GfK, este foi o frente-a-frente político transmitido por um único canal mais visto desde 2012 — ano em que a GfK começou a fazer medição de audiências. Não estão aqui contabilizados os debates emitidos em simultâneo por mais do que um canal, como tem acontecido nas eleições legislativas, por exemplo.

Segundo a SIC, o debate teve um share de 32,1%, ou seja, 32 em cada cem pessoas que estavam a ver televisão durante aquela meia hora do horário nobre seguiram o duelo entre o actual Presidente da República e o líder do Chega. Com tais valores, o debate foi o programa mais visto do dia da televisão portuguesa.

O debate foi transmitido na SIC generalista mas também na SIC Notícias, liderando entre os canais de informação, com uma audiência média de 247.300 espectadores (o que corresponde a 4,3% de share). Isso significa que o programa teve uma audiência total de 2,081 milhões de espectadores.

Em 2016, houve 25 debates na televisão entre oito dos dez candidatos entre 1 e 9 de Janeiro - Jorge Sequeira e Cândido Ferreira não participaram - e o mais visto foi naturalmente o que opôs Marcelo Rebelo de Sousa a António Sampaio da Nóvoa (na SIC e SIC Notícias), seguido por 1,326 milhões de espectadores. Só um outro debate ultrapassou a fasquia do milhões de espectadores: Maria de Belém e Sampaio da Nóvoa (1,064 milhões).