No Japão, há uma loja que compra e vende as caras das pessoas

Uma loja de máscaras em Tóquio apresentou uma nova ideia sobre o tema da camuflagem facial — uma máscara hiper-realista que reproduz as características de um desconhecido em três dimensões. As máscaras de Shuhei Okawara não vão te proteger ou a outros contra o vírus. Mas vão emprestar-te a aparência exacta de um adulto japonês não identificado.

Okawara é proprietário de uma loja que normalmente faz máscaras para festas e representações teatrais e "comprou" os rostos de pessoas reais por 40.000 ienes (cerca de 317 euros) cada um, para fazer máscaras hiper-realistas.

Lançou o projecto em meados de Outubro e pediu às pessoas que enviassem as suas fotografias através do seu site e da comunicação social. Depois digitalizou os seus rostos reais para criar as máscaras, que são vendidas a 948 dólares (779 euros) cada. Okawara disse ter recebido ofertas de 100 pessoas para venderem os seus rostos, incluindo de outros países. "É inacreditável, mas tantas pessoas de todo o mundo estão a pedir-me para comprar a sua cara", disse Okawara.

Sugerir correcção