Os carros também se sentem na ponta dos dedos

Materiais delicados ao toque, detalhes que inspiram cuidado com o meio ambiente e, cada vez mais, menos ruído visual. Porque as emoções da condução também passam pelas sensações a bordo.

Foto
DR

O exterior de um automóvel tem sido um dos grandes investimentos do design na indústria automóvel. O que é natural: é aquilo que, à primeira vista, o vai fazer sobressair numa quase selva, reflectindo o ADN da marca que o produz e, ao mesmo tempo, com os códigos estéticos capazes de aliciar o mercado em que se insere – desengane-se quem pensa que é fácil fazer um carro que satisfaça os gostos de forma global; habitualmente, um ou outro detalhe diferem de mercado para mercado.

Sugerir correcção
Comentar