Teletrabalho veio para ficar, mas é preciso adaptar lei à nova realidade

O teletrabalho está previsto na lei portuguesa há quase duas décadas, mas até Março de 2020 a sua utilização era marginal. Com a pandemia assumiu uma dimensão nunca antes vista e é unânime entre os especialistas que é preciso adaptar as regras ao novo contexto laboral

teletrabalho,coronavirus,trabalho,empresas,economia,codigo-trabalho,
Foto
Lei precisa de ser readaptada para que o teletrabalho seja uma verdadeira realidade PAULO PIMENTA

A ideia de dividir o tempo de trabalho entre a casa e o escritório sempre agradou a Pedro Bastos. Mas o que este engenheiro de 24 anos nunca imaginou é que a sua entrada no mundo laboral seria feita à distância: foi contratado há menos de um mês por uma consultora e está em teletrabalho. Nunca foi às instalações da empresa e ainda não teve contacto pessoal com ninguém. O recrutamento foi feito de forma remota e até o computador lhe chegou a casa através de uma empresa de entregas.