Da primeira selfie ao primeiro animal no espaço: há fotos raras da NASA a leilão

São 2400 fotografias que podem ser licitadas no site da empresa de arte inglesa Christie’s. Imagens incluem vários momentos históricos das missões espaciais e podem chegar às milhares de libras.

Foto

A primeira selfie tirada no espaço, a primeira foto da Terra vista do espaço tirada por um ser humano, o primeiro animal no espaço, e muitos outros primeiros (ou não) acontecimentos espaciais: são assim as 2400 fotografias que estão a ser leiloadas na Christie's este mês. 

Muitas das imagens são inéditas, como é o caso da única fotografia captada por Neil Armstrong na lua. A sua exclusividade significa, obviamente, que os preços podem rondar os vários milhares de euros: a Christie's estima que as imagens mais populares cheguem às 50 mil libras (mais de 56 mil euros). A que tem a base de licitação mais alta é precisamente a de Neil Armstrong, captada por Buzz Aldrin durante a missão Apollo 11 em 1969: o valor é de 15 mil libras (cerca de 17 mil euros).

“A colecção é a mais abrangente colecção privada de fotografias da NASA alguma vez levadas a leilão, e mostra vários marcos históricos do programa espacial, desde os primeiros dias de Mercúrio, os avanços técnicos de órbita lunar e os triunfos de Apollo”, referiu a empresa de arte inglesa em comunicado, citado no The Guardian. “Através das suas câmaras, os astronautas-feitos-artistas foram capazes de fornecer à humanidade a beleza e a profundeza das suas experiências no espaço, mudando para sempre a forma como nos vemos e colocamos no universo.”

A colecção pode ser vista — e licitada — aqui, até 19 de Novembro.