O investidor da SAD que é sócio de Rui Cordeiro

Autoridades investigam se Santa Clara estará a servir para branquear capitais. Interesses de empresário de Singapura nos Açores extravasam o futebol.

Foto
Rui Cordeiro, presidente do Santa Clara DR

Desde que se tornou no maior accionista da Sociedade Anónima Desportiva (SAD) do Santa Clara, em Junho de 2017, o empresário Lau Lian Seng Glen, de Singapura, tem sido um importante financiador do futebol profissional dos açorianos. Os empréstimos ultrapassam o milhão de euros e estão agora na mira das autoridades portuguesas, que suspeitam de branqueamento de capitais.