Pré-publicação

Um capítulo de Contra mim, o livro mais pessoal de Valter Hugo Mãe

Chega nesta quinta-feira às livrarias o novo livro de Valter Hugo Mãe, Contra Mim, uma autoficção que leva os leitores até à infância do autor em Angola, em Paços de Ferreira e nas Caxinas. A partir de quinze anos de textos dispersos e apontamentos, o escritor revisita nesta obra os primeiros anos da sua vida. A Carne de Deus é o título do capítulo que aqui publicamos.

cultura,biblia,valter-hugo-mae,literatura,culturaipsilon,livros,
Foto
Valter Hugo Mãe Ana Esteves Brandão

Tínhamos em casa uma Bíblia que era a própria carne de Deus. Não lhe devíamos tocar, não poderíamos passar diante dela sem respeito, sem estarmos lavados, silenciosos, de mãos abertas e nenhuns segredos, de pensamento puro. Deus estava guardado numa cuidadosa gaveta da nossa casa e era feito de papel. Deus era um livro. Pensava: Deus é um livro.