A recuperação do Labour tem dedo de Starmer – mas também de Johnson

Trabalhistas igualaram conservadores nas sondagens, nove meses depois de terem sido arrasados nas legislativas. Reorientação estratégica liderada pelo sucessor de Corbyn e gestão ineficaz da pandemia pelo Governo ajudam a explicar nova etapa da política britânica.

Foto
Keir Starmer, líder do Partido Trabalhista Reuters/Peter Nicholls

Como se recupera uma desvantagem de 26 pontos percentuais para o partido no governo em apenas cinco meses? O Partido Trabalhista britânico que explique. Com uma nova liderança, um discurso renovado e uma reorientação estratégica para os eleitores perdidos nas legislativas de Dezembro do ano passado – nas quais teve o pior resultado eleitoral desde 1935 –, o principal partido da oposição do Reino Unido consegui-o.